Os Missionários do Verbo Divino em Portugal desejam-lhe um Feliz 2015!


Campanha Mãos Missionárias 2015

Os Missionário do Verbo Divino acabam de lançar mais uma Campanha de ajuda às Missões. De Mãos Unidas a campanha passará agora a chamar-se Campanha Mãos Missionárias.

A finalidade é a mesma: sentirmo-nos envolvidos e sujeitos da missão através da partilha solidária com os mais necessitados. Somos convidados a participar na dinâmica missionária da Igreja, sermos “Igreja em saída”, em “estado permanente de missão”, tal como nos desafia o Papa Francisco.

  Clique na imagem para conhecer os projectos


Lisboa:

Festa de S. José Freinademetz


A comunidade dos Missionários do Verbo Divino em Lisboa celebrou, no 29 de janeiro de 2015, a festa de São José Freinademetz, o primeiro missionário do Verbo Divino na China. A festa iniciou-se com a celebração eucarística, às 19.30, na capela daquela comunidade, presidida pelo P. José Antunes, SVD, durante a qual também foram instituídos ao Ministério de Leitorado os dois seminaristas angolanos Joaquim Nanga e Daniel Mateque.

Estiveram presentes, nesta ocasião festiva, cerca de 60 convidados: paroquianos da comunidade do Prior Velho e Terraços da Ponte, membros da comunidade filipina, grupo Diálogos, antigos alunos, conhecidos e amigos dos membros da comunidade SVD em Lisboa.
Após a missa, seguiu-se o momento do jantar. A festa terminou pelas 22.30. Foi um momento de partilha e de confraternização.  DL


Fátima:

Encontro de paróquias SVD
 

Entre os dias 26 e 27 de janeiro de 2015 ocorreu mais um encontro de paróquias SVD, na casa do Verbo Divino, em Fátima. Estiveram presentes os párocos, capelães (comunidade filipina, hospitalar e militar), superiores locais e coordenadores provinciais das dimensões características (animação missionária; apostolado bíblico; justiça e paz; e comunicação). Estiveram presentes ainda, à semelhança do ano anterior, alguns representantes dos missionários da Consolata, leigos das paróquias de Minde e da Serra de Santo António e, pela primeira vez, Espiritanos e Verbitas da Província de Espanha.

D. José Cordeiro, bispo de Bragança-Miranda, orientou os trabalhos do primeiro dia sob o tema “Evangelização e família”. O mesmo falou sobre o sacramento do matrimónio, da família e dos desafios da evangelização hoje. Partilhou ainda a experiência pastoral levada a cabo na sua diocese sobretudo dos caminhos da renovação pastoral, entre outros, através das “unidades pastorais”.

O segundo dia foi trabalho interno de cada Instituto presente, refletindo no caminho percorrido até ao momento neste campo pastoral. Procurou-se alinhar, entre os Verbitas, algumas linhas de ação transversais a toda a Província, para o seu Plano de ação ad extra, a partir das quatro prioridades pastorais escolhidas (primeira e nova evangelização; família e juventude; promoção da cultura da vida; e justiça social e erradicação da pobreza), como foi pedido pelo último Capítulo Geral.

Os participantes avaliaram positivamente o evento, sublinhando a comunhão entre Institutos missionários e destes com os leigos, e a partilha de diversas experiências pastorais com as suas alegrias, esperanças e desafios.


Passeio Natalício

Os Amigos do Verbo Divino (AMIVD) de Tortosendo e Bajouca organizaram, no passado dia 10 de janeiro de 2015, um passeio natalício a S. Paio de Oleiro e Aveiro. Aproveitando o penúltimo dia do tempo de Natal, um grupo de dois autocarros visitou “o maior presépio do mundo em movimento” naquela localidade. Pelo quinto ano consecutivo, ali estão patentes até ao próximo mês de março diversos presépios de todos os tipos em grandes dimensões, representações da vida de Jesus com um especial destaque para acontecimentos à volta do seu nascimento e outras cenas da vida social, cultural e religiosa do país. É uma obra de apreciar e admirar como dizem alguns letreiros que ali se encontram: “Presépio com tanto esplendor, não deverá haver obra de igual valor e de tanta imaginação em Portugal. Tanto empenho, tanta canseira, para lembrar à humanidade inteira que nasceu Jesus: é Natal; Porque ainda há pessoas com talento, que compreendem que há advento, e que o Messias para todos terá lugar!”

O talento, a força da boa vontade, de amor e carinho, com muita imaginação tornaram possíveis esta obra de arte naquela pacata localidade de S. Paio de Oleiros.

O grupo passou depois pela cidade de Aveiro, contemplando a sua beleza, primeiramente no passeio de barco pela sua famosa ria e, depois, passeando pelas ruas da cidade que esteve em festa de S. Gonçalinho.


Fátima:

Encontro de Natal da Província SVD

 

Realizou-se o encontro de Natal dos missionários do Verbo Divino da Província portuguesa, nos dias 28 a 30 de dezembro de 2014, no Seminário do Verbo Divino, em Fátima. Além de se unir para celebrar em família o nascimento do Verbo Divino, foi também momento de formação religiosa e cultural. Neste sentido, realizaram-se duas visitas ligadas ao Santuário de Fátima, na manhã do dia 29. A primeira, à exposição evocativa da aparição de agosto de 1917, intitulada “Neste Vale de Lagrimas”, patente no salão Convivium de Santo Agostinho, no piso inferior da Basílica da Santíssima Trindade. Marco Daniel, do Museu do Santuário, guiou-nos nesta exposição, da qual faz parte uma imagem de Nossa Senhora, pertencente à Casa Verbo Divino de Fátima, emprestada para o evento. A segunda, foi a visita à “Casa das Candeias”, um núcleo museológico da Postulação dos pastorinhos. A Irmã Ângela Coelho, vice-postuladora da causa de canonização dos pastorinhos explicou aos visitantes aquele espaço interessantíssimo, inaugurado em abril deste ano, onde estão expostos, entre outros, vários materiais ligados aos pastorinhos chegados àquela postulação através do padre Luís Kondor, missionário verbita, que, durante vários anos dedicou a sua vida à mesma postulação.

Na tarde do mesmo dia, os participantes foram conhecer mais de perto a paróquia de Minde, com as suas comunidades de Vale Alto e Covão de Coelho, e a paróquia de Serra de Santo António, recentemente confiadas aos missionários do Verbo Divino. Em cada comunidade esteve quem nos falou das realidades religiosa, social e cultural locais. A visita culminou com a celebração eucarística na igreja matriz de Minde, juntamente com a comunidade local.

Tivemos ainda possibilidade de escutar a partilha dos recém-chegados, Kevin Pizarras, das Filipinas, e Jomy John, da Índia; dos padres Pradeep Kullu e Constantino Malu, sobre a sua experiência nas paróquias de Almodôvar e Prior Velho, respetivamente; dos padres Leonardo Pawlak e André Fecko, sobre a realidades das paróquias de São João de Loure, em Aveiro; e, ainda, dos padres Jorge Fernandes e José Antunes, sobre as suas diferentes missões em Roma.

Participaram neste encontro, como vem sendo habitual, quatro Irmãs missionárias Servas do Espírito Santo.


Cardeal Maradiaga em Lisboa

Até agora a “única globalização é a dos mercados”. Foram palavras do cardeal Oscar Maradiaga – membro do conselho dos 9 cardeais escolhidos pelo Papa Francisco – proferidas a 13 de dezembro, no Fórum Picoas, Lisboa, na jornada organizada pela Comissão Nacional Justiça e Paz em parceria com Caritas Portuguesa.

A dimensão social da evangelização no mundo de hoje marcou o ritmo da reflexão apresentada pelo conferencista. Sublinhou que já passou o tempo “do social como um derivado da missão” e que hoje “uma abordagem desencarnada é inaceitável”, pois a dimensão social na evangelização não se pode considerar opcional; é, isso sim, “uma realidade constitutiva e obrigatória da ação evangelizadora”.

O auditório foi testemunha da preocupação do cardeal Maradiaga em dar espaço ao grito do Papa Francisco: é necessário abandonar “o sempre se fez assim”. Aliás, adiantou, isso seria fechar as portas ao Espírito. Ora, se Lhe pedimos que renove a face da terra, é aceitar com todas as consequências que Ele é Novidade constante.

Considerando que a fé não se pode privatizar – pois o católico praticante é aquele que pratica a sua fé – afirmou que, sendo a política um serviço para o bem comum, o católico político só o é na medida em que leva o social do Evangelho para as leis. Se assim não for, não se pode considerar praticante, mas unicamente “ritualista”.

Apontando para o dinamismo de uma “Igreja em saída” – segundo as indicações da Exortação apostólica A Alegria do Evangelho – tomou como exemplo a indicação que o Papa dera ao encarregado (D. Konrad Krajewski) da esmolaria apostólica (departamento da Santa Sé com a função de exercer a caridade para com os pobres em nome do Papa), dizendo-lhe que não queria que ele ficasse ali para atender os que chegavam, mas que saísse ao encontro dos necessitados. É o acontecer da “conversão pastoral” em deixar estruturas caducas e aceitar a ação do Espírito como Novidade constante.

Apelando para uma atenção permanente em relação à realidade na qual vivemos, afirmou, citando a Exortação apostólica A Alegria do Evangelho, “não nos façamos de distraídos” (nº 211). É necessário “começar o que ainda não começamos” e saber que se hoje estamos perante a crise que tantas vidas destrói, é porque “existe uma falta de ética” e “sem ética o sistema não funciona”. A doutrina social da Igreja, tão bem apresentada no discurso do Papa Francisco ao parlamento Europeu em Estrasburgo, considera que o valor máximo é a pessoa humana e não o dinheiro. Quando a economia manda na política, sendo o deus dinheiro o centro, não há outra alternativa que denunciar que se trata de “uma economia que mata”, ainda que tais afirmações possam ser consideradas como comunistas, tal como alguns fizeram em relação ao Papa Francisco. AL


Tortosendo:

Convívio missionário


O Dia Mundial das Missões foi celebrado no Seminário do Verbo Divino em Tortosendo, com um convívio missionário, na tarde de domingo, 19 de outubro.

Gente amiga daquela zona pastoral e da Bajouca conviveram, num clima de fraternidade, contribuindo ainda com as suas compras na pequena “feira missionária” ali montada, para o projeto missionário em curso de ajuda à reconstrução de um pequeno hospital no Benim. Já no momento da oração missionária, os presentes uniram-se ao sofrimento dos cristãos perseguidos, sobretudo na zona do Médio Oriente, rezando e ouvindo alguns relatos vindos daquela zona.

De seguida, foi simbolicamente encerrado o projeto missionário acima mencionado com a entrega de um cheque ao Secretário das Missões, P. Joaquim Domingos Luís, e apresentado um novo projeto missionário. Desta vez, e em sintonia com o Ano da Vida Consagrada que se inicia no próximo dia 30 de novembro, o projeto ajudará as Irmãs Clarissas que iniciaram, há dois anos, uma nova fundação na diocese de Maliana, Timor-Leste.

A tarde culminou com o magusto, onde não faltou animação e boa disposição. Para isso, muito contribuiu o grupo de jovens “Luz sem Tempo”, da Bajouca. O mesmo grupo animou ainda o momento de oração e, na véspera, uma vigília missionária na capela do Rosário.


Tomada de Posse:

Minde e Serra de Santo António


Minde e Serra de Santo António (diocese de Leiria-Fátima) estão agora ainda mais no coração dos Missionários do Verbo Divino em Portugal.

No dia 27 de setembro de 2014 foi a tomada de posse da paróquia de Minde. Os padres Sebastião Koottiyanickal e Tomás Lasi foram acolhidos de braços abertos. No dia seguinte, 28 de setembro foi a subida à Serra de Santo António para assumirmos também essa paróquia. E que maravilhoso acolhimento!

Estiveram presentes o Vigário geral da diocese, P. George Guarda, o administrador paroquial cessante, P. Luís Manuel Ferreira, o Provincial, P. António Leite, confrades verbitas, amigos e conhecidos. A celebração envolveu ainda a participação das autoridades civis, organizações e coletividades locais.
Nas duas paróquias foram vividos verdadeiros momentos de festa. Foi a celebração da Eucaristia nas respetivas igrejas e foi também a partilha do alimento à volta da mesa em alegre convívio nos salões das duas paróquias.

Tal como o expressava uma paroquiana de Serra de Santo António, “a nossa comunidade inicia uma nova etapa. É com alegria que vos recebemos na nossa família paroquial, que recebemos a vossa Missão e o vosso testemunho de fraternidade, de diálogo e de amor aos irmãos, tal como o exprime o carisma dos Missionários do Verbo Divino.   ver o VIDEO


P. José Hipólito Jerónimo:

Bodas de Ouro Sacerdotais

 

O P. José Hipólito Jerónimo celebrou os seus 50 anos da ordenação sacerdotal, completados no passado dia 2 de agosto. A celebração ocorreu na sua terra natal, S. Vicente da Beira, no domingo, dia 10 de agosto de 2014. D. Manuel Felício, bispo da Guarda, presidiu a eucaristia, contando com as presenças do Provincial dos Missionários do Verbo Divino em Portugal, P. António Leite, o pároco local, P. José Manuel Figueiredo, os confrades verbitas, entre eles o P. Lorenzo Goyeneche, colega de longa data do P. Jerónimo, da Província de Espanha. Estiveram presentes ainda um grande número de familiares, conterrâneos, amigos e conhecidos.

O ambiente festivo prolongou-se pela tarde com o almoço e um animado convívio onde não faltaram música e boa disposição entre os presentes. É de notar que, como foi anteriormente noticiado, o jubilado apresentou o seu livro de autobiografia intitulado “O Zé do Casalito”.


Padre José Vaz:

Bodas de Ouro sacerdotais

 

A Aldeia da Ponte esteve em festa. Na tarde de domingo, 27 de julho de 2014, toda a aldeia, que viu nascer um dos seus filhos mais ilustres, o P. José Vaz, reuniu-se, primeiramente na celebração da Eucaristia na Igreja Matriz e, depois, no jantar convívio no espaço da “Associação Amigos de Aldeia da Ponte”, para uma celebração de ação de graças pelos 50 anos de sacerdócio daquele missionário verbita, completados no dia 8 de dezembro do ano transato. Associaram-se ainda a este dia festivo os seus colegas do Verbo Divino, os seus conterrâneos sacerdotes, os colegas do trabalho pastoral paroquial daquela zona e numerosos amigos do jubilado. 

A avaliar pelo ambiente aí vivido, num clima de júbilo e de comunhão fraterna e, ainda, pelos testemunhos daqueles que o conhecem mais de perto, foram motivos mais que suficientes para dar graças a Deus pela sua pessoa e pela sua missão na Igreja e na Congregação, como muito bem resumidas no refrão duma canção a ele dedicada: «Eu te dedico esta canção, porque ensinaste a mil corações o verbo amar».


Os Amigos do Verbo Divino em Peregrinação a Fátima

Decorreu em Fátima, nos dias 5 e 6 de abril de 2014, a Peregrinação Nacional dos Amigos do Verbo Divino, sob o lema: “Pelo Espírito à Alegria do Evangelho”.

O encontro reuniu cerca de mil participantes, nestes dois dias, entre eles Missionários do Verbo Divino, Missionárias Servas do Espírito Santo e leigos associados a estas duas congregações, acolhendo não só os nacionais mas também outras comunidades estrangeiras presentes no país.

Os pontos altos do encontro, entre outros, foram a Via-sacra nos Valinhos, na tarde de sábado, e a recitação do terço na Capelinha, na noite do mesmo dia. Ainda, a eucaristia dominical no recinto do Santuário, presidida por D. António Marto, bispo de Leiria-Fátima, coincidindo com a peregrinação anual desta diocese, e a tarde missionária no Centro Paulo VI. O salão do “Bom Pastor” tornou-se pequeno para acolher tantos amigos que, durante cerca de duas horas, mostraram a sua riqueza cultural e diversas iniciativas de cariz missionário. Foi uma tarde verdadeiramente missionária.

Por fim, todos foram enviados de novo para as suas comunidades, levando um renovado entusiasmo missionário para testemunhar a alegria do evangelho. 

  Veja fotos aqui

Bíblia Sagrada


Diálogos - Blogue


Relatos da Missão


Nas margens do Amazonas


 

ARNALDO JANSSEN

Cativado e enviado pelo Espírito

 


Agência Ecclesia

 


Logomédia


Passo a Rezar


As mais belas flores


 

Destaques

Ano da Vida Consagrada


Campanha

Mãos

Missionárias


CONTACTO SVD

Janeiro - Fevereiro 2015


QUARESMA 2015

Mensagem do Papa


AGENDA JOVEM


Calendário

Missionário 2015


Jornadas Missionárias

 2014


Quaresma 2014


A ALEGRIA

DO EVANGELHO


Encíclica

A LUZ DA FÉ


Exposição Missionária


Clique para ampliar

60 anos

em Portugal


 

© Missionários do Verbo Divino - Portugal - 2007
Webdesign: J. Leonel de Sousa - svd